Google+ Followers

quinta-feira, 7 de março de 2013

Hoje eu tô safadinha!


Não quero os pingos de chuva
Quero os pingos do teu suor
Não precisa de música
Quero apenas o som dos teus gemidos
E sua língua de veludo.
Acende logo esse cigarro
Recheado com a erva da loucura
Pois a nossa  viagem vai ser muito prazerosa.
Quero seu prêmio
Seu troféu em mim
Transmita-me sua energia
Sou o seu plug
Se quiser diversão
Serei seu playground favorito...


Karla Ramalho

2 comentários:

Saulo Madrigal disse...

Eu seii de onde surgiu isso. Surgiu da mente brilhante, indecente, lasciva, safada... da mente que geme ao ver o corpo que geme! Vem da cama, do espelho embaçado, da mesa da cozinha, do chuveiro. Vem da praia, do banheiro público, do muro da vizinha meia noite...vem da pessoa, Karlla Ramalho!

Diário indiscreto e outras confissões... disse...

Cara, só sai isso da minha cabeça...Pq será?